sexta-feira, 20 de abril de 2018

O Temor do Sábio de Patrick Rothfuss

Olá pessoal, tudo bem? Aqui é o Marcelo, e hoje vou falar um pouco do último livro que li, O Temor do Sábio, de Patrick Rothfuss! Este é o segundo livro da Trilogia “As Crônicas dos Matador de Rei”. Para minha infelicidade, e tenho certeza que de muita gente também, o autor ainda não lançou o terceiro livro…

Por conta de não ter a continuação ainda eu me demorei um pouco mais na leitura deste livro. Sei que tem gente que faz aquelas metas de tantos livros por mês, por ano, eu já pratiquei tais métodos em algumas épocas. Mas eu quis saborear o livro de maneira mais lenta, fiquei alguns meses com ele na minha cabeceira. Que moda é essa agora que esses autores tem de ficar torturando a gente né, lança logo tchê!

Enfim, nesse segundo livro acompanhamos novamente os relatos de Kvothe, suas aventuras na juventude, as conquistas, os estudos e os perigos pelo qual passou.

Como de costume ele arrumou confusão na Universidade, porque Ambrose, filho de um rico barão, simplesmente não vai com a cara dele, e os dois estão sempre procurando maneiras de um irritar o outro.

Kvothe continua nutrindo sua paixão pela misteriosa Denna, que vem e vai ao sabor do vento, mas parece que nesse livro ele avançou um pouco na conquista do coração da bela moça. Aprendemos que, apesar de estar sempre acompanhada, ela é um pouco arisca quanto a relacionamentos sérios, e por isso a dificuldade de Kvothe se aproximar dela, justamente porque os dois sabem que tem algo mais entre eles.

Nesse segundo volume a história não se foca apenas nos estudos, por conta de algumas confusões na universidade, Kvothe é “aconselhado” a tirar um semestre de folga, de “livre e espancada” vontade! E assim ele viaja até a longíqua Vintas, onde se colocará sob as ordens do maer Alveron, uma espécie de nobre que comanda a região, e que possivelmente é mais rico que o próprio rei!
Patrick Rothfuss

Ao cair nas graças do maer, Kvothe começa a desfrutar de alguns privilégios em sua corte, e acaba por salvá-lo de um atentado usando suas habilidades de arcanista. Vendo como o rapaz pode ser útil, o maer lhe pede que lidere um grupo de mercenários em uma missão para acabar com um bando de salteadores que tem roubado os impostos recolhidos.

E nessa missão, nas profundezas da floresta, ele vai conhecer Feluriana, uma criatura que faz parte dos Encantados, seres mitológicos que muitos julgam ser lendas! Ela é conhecida por matar os homens de tanto fazer sexo, porém com ela Kvothe irá aprender muitas coisas (em vários sentidos hehehe)!


Ele também conhecerá Tempi, um mercenário ademriano, e viajará com ele até seu povo, onde aprenderá a Ketan, uma espécie de arte marcial secreta de Ademre! É muito interessante essa parte porque esse povo se comunica predominantemente por sinais, usam muito pouco a fala, como se fosse a linguagem de LIBRAS. Então Kvothe terá de lidar com um idioma diferente, e também com a hostilidade dos ademrianos, que não acham digno que um forasteiro seja iniciando nos mistérios da Ketan!

Enfim, são muitas e muitas aventuras, e pra variar, o livro termina com aquele tipo gancho que nos deixa a certeza que o próximo será melhor ainda! Só espero que seja lançado logo…


É isso por hoje pessoal, essa bela obra de fantasia merece um lugar de destaque na minha estande e no meu coração, é uma história apaixonante, não dá pra desgrudar! Eu tive que fazer força pra ler o livro devagar haha mas até a próxima então!
"Hmm, sinto a Força presente
no jovem Kvothe!"

Um comentário:

  1. Oi
    Eu vi o quanto demorou dessa vez, mas você está certo do que adianta ler rápido se não tem continuação. Assim que acabar um pouco mais com minha pilha talvez te imite haha.
    Beijos

    ResponderExcluir